Páginas

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Andu, Guandu - Muitos tipos

Cajanus cajam, eu adoro esse nome. É o nome científico do Guandú, também chamado de Andú. Tem rima, tem som, tem musicalidade. Quase um mantra! cajanuscajam cajanuscajan cajanuscajam oooommmm

Brincadeiras à parte, agora é época de colheita. Ela vai de junho a agosto, ou seja, inverno. As vagens estão pendendo nas ramas - algumas até meio tombadas, tamanho o peso.

O feijão guandú é uma planta famosa por seus diversos usos. Alimenta gentes, alimenta bichos, serve de adubo para outras plantas e melhora o solo. As sementes verdes são deliciosas, lembram ervilha fresca. São fáceis de tirar da vagem com ajuda de uma tesoura. Ficam excelentes no arroz, numa torta, num macarrão. As sementes secas devem ser obtidas das vagens já marrons, que devem ser penduradas e deixadas secar ao sol, evitando que peguem chuva e sereno. Depois, coloca-se dentro de um lençol e dá-lhe umas boas porradas. Se for feito num dia seco de inverno, com as vagens bem sequinhas, soltam-se facilmente. Daí, é começar a catança. Guarde todos num frasco aberto.

O legal do guandu é que ele é muito resistente a qualquer ambiente: gosta de calorão, vai bem no frio, gosta de umidade, vai bem na estiagem. Pode passar meses sem chuva que o guandu continua lá, firme e forte, com folhas verdes e suas florezinhas vermelhas e amarelas. 

Ele aguenta bem a seca porque suas raízes vão bem fundo, quebrando a terra dura até pegar a umidade lá das profundezas. Como vantagem, vai afofando o solo, e de quebra, deixando nitrogênio no caminho. Suas raízes são cheias de nódulos, onde vivem bactérias que ajudam a transformar o nitrogênio atmosférico e transformando-o  numa forma útil para a planta.Quando a planta morre, suas raízes se decompõem e deixam um túnel no lugar, ajudando a terra a absorver a água da chuva.

É suscetível a poucas doenças, mas pode sucumbir a infestação de ácaros e alguns fungos.

Além de tudo, pode servir de sombreamento para plantas, corta-vento, para restabelecer terras degradadas, para ocupar terrenos vazios...

Das sementes, conheço dois tipos: a lisa e a rajada. Em geral, as plantas de semente lisa tem flor amarela (subsp. flava) e as de semente rajada, flores vermelhas. Isso aqui no sudeste, em São Paulo, mas não é uma regra. Descobri que existem mais de 5.000 cultivares do guandu.

Para plantar, escolha um local a pleno sol. O solo não precisa ser fértil nem bem muito irrigado - mas claro, essas condições ajudam. Deixe o fejão hidratando 24h em água antes de plantar. Coloque na cova 3 feijões. Após o primeiro mês, remova as duas plantas mais fracas e deixe o maior - esse processo chama desbaste ou raleio. Ajuda a remover as plantas geneticamente mais fracas, para ter certeza que o seu guandú será forte e saudável.

Para cozinhar, deixe de molho de um dia para o outro, descarte a água, depois cozinhe como feijão normal. Ah, sim, ele pega mais gosto se for cozido na pressão junto com temperos: cebola, alho, louro, cominho, coentro...

Ah, uma dica de armazenagem. O gorgulhão do guandú é um besouro pequenininho que bota ovos no guandú verde. Quando o grão amadurece, parece perfeito por fora, mas dentro a larva está se alimentando do grão. Depois de um mês, a larva está gordinha, se transforma num besouro adulto. O problema: depois de um mês que você colheu e armazenou o feijão, o bichinho aparece e ataca os outros feijões. Para evitar isso, fique de olho no vidro onde o quando está guardado, de olho se não tem bicho. Outro segredo é consumir logo, antes que eles se proliferem. Claro que isso não é sempre que acontece, mas bom evitar, né?

E você, já comeu, como gosta de preparar, usa para quê?

Flor do feijão de semente lisa: amarelinha.

Feijão carregado de vagens: boa colheita


Guandú, do liso e do rajado

7 comentários:

  1. Bacana a dica Guilherme, tenho 5 pes aqui em casa so ainda estão na florada. Agora vou esperar sair algumas vargens para por na panela!!!

    ResponderExcluir
  2. Adoro andu desde criança e nunca entendi o motivo de não venderem na feira, por exemplo. Ha uns meses plantamos alguns em casa. Mas não fiz o raleio. Acho que agora é melhor aguardar, né?! Sao umas 4 mudas com 40cm.
    Consumos principalmente na farofa ou refogado com um pouco de tomate.

    ResponderExcluir
  3. adorei a reportagem sobre o andú , eu tenho uma pequena plantação e colho a cada 15 dias mas gostaria de alguma dica sobre como evitar o ácoro que definha a planta não deixando produzir como antes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Celi, recentemente li sobre combater ácaros pulverizando solução de enxofre.

      Excluir
  4. Eu amoooooo guandú. Com galinha caipira então, um arroz freaquinho ou ovinho caipira meu Deus...

    ResponderExcluir
  5. Manoel Renato do nascimento 21 de maio de 2016, auguem me informe com que idade flora o feijão guandu? por favor, tenho uma pequena plantação já com 6 meses e nada de produção.

    ResponderExcluir
  6. Manoel Renato do nascimento 21 de maio de 2016, auguem me informe com que idade flora o feijão guandu? por favor, tenho uma pequena plantação já com 6 meses e nada de produção.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...