Páginas

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Feijoa, goiaba serrana, Acca sellowiana.


A feijoa ou goiaba-serrana é uma fruta nativa, parente da goiaba, muito cultivada na região sul e sudeste do Brasil. Se nome científico é Acca sellowiana.

Temos plantado em casa dois pés enormes de uma planta que compramos como ornamental, chamada goiaba-da-serra, de folhas esbranquiçadas e  flores rosadas. Toda primavera a árvore fica repleta de flores maravilhosas, mas que não produzem nenhum fruto. Não sei se devido ao clima quente de Itu, ou pela altitude, a planta de desenvolveu bem, virou um arbusto bonito e robusto.

Só descobri que é uma frutífera popular no Sul quando resolvi saber mais sobre a planta. Como ela não frutifica na minha região, usamos as flores em saladas. São as flores mais doces que já provei, e parecem feitas de açúcar - se dissolvem na boca, com aquela sensação de pasta americana de confeitaria. Um potencial enorme pro mercado de flores comestíveis, porque ao contrário das capuchinhas, que tem sabor de mostarda, essa é de fato doce por si só.





Mas os frutos, ah, os frutos. Estou empolgado falando deles, porque ganhei dois de presente da Leticia Borges, e estou completamente apaixonado. Eu tinha pra mim que nada seria mais saboroso que a fruta da costela de adão (falamos já dela aqui), mas acho que a feijoa acaba de roubar seu posto. Olhe, posso dizer que já provei muita fruta diferente nessa vida, e essa está entre as mais gostosas, junto com o abricó-do-pará, a monstera e o tamarillo.

O fruto parece uma goiaba verde alongada, nada chamativo. Pouco conhecida aqui no Brasil, é campeã de vendas na Nova Zelândia e Australia, e tem sido cultivada nos pomares europeus e norte-americanos com sucesso, nas regiões de inverno mais ameno. Lá fora chama-se pineapple guava ou brazilian guava. De tão deliciosa, deveríamos ter ao menos a polpa congelada à venda, se não sucos e geléias. Deveria ser uma grande commoditie de exportação, valorizando nossa biodiversidade, em cultivo agroecológico. 

O sabor é uma mistura de goiaba, abacaxi e morango, em uma fruta macia, não muito doce e ácida na medida. Persiste na boca e está mais concentrado na casca. A polpa branca tem textura de goiaba madura, é muito perfumada e as sementes quase não se fazem sentir. Impecável. Um deleite. Espero que todos um dia tenham a possibilidade de provar essa fruta.




Aqui em São Paulo eu já a vi algumas vezes no paisagismo urbano, mas nunca com frutos. Alguém dos locais mais quentes tem algum truque para cultivá-la? Compartilhe conosco :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...