Páginas

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Chaya: o super alimento


Folhas de chaya indo para a panela.
Você não está lendo errado: já falei da chaya aqui

Se você consome a ora-pro-nobis ou a moringa, as famosas plantas do momento, notáveis por suas propriedades nutricionais, ricas em proteínas, vitaminas, nisso e naquilo, precisa conhecer a chaya. Não, ela não é uma planta milagrosa, porque planta nenhuma faz milagre. Não vai curar todas suas doenças, mas vai deixar seu organismo bem mais saudável. E de quebra, não tem o gosto forte da moringa ou a baba da ora-pro-nobis. E sim, é uma PANC.

A chaya (Cnidoscolus aconitifolius) está famosa nos EUA, mas isso é uma daquelas modas passageiras, tal como a gojiberry e a farinha de maracujá. Fato é, apesar de todo o marketing, a chaya é uma hortaliça consumida há séculos nos México, com indícios de seu uso pelos Maias, repleta de história. Quando uma planta fica famosa, a  industria descontextualiza toda a cultura na qual a planta está inserida e a transforma em uma tabela de valores nutricionais. Então saiba que, apesar de todos os benefícios nutricionais, ela tem uso tradicional e está envolta em uma rica cultura.

Nunca fui muito bem sucedido no meu canteiro de hortaliças, especialmente porque a água é um problema - só estou presente para regas uma vez por semana. Por isso que eu amo as PANC - mesmo sem cuidado, muitas espécies, mais rústicas, se desenvolvem bem. A chaya é uma dessas. Passou de uma estaca de 20cm para um arbusto de quase três metros de altura em pouco mais de um ano. E quanto mais se colhe, mais ela produz. Não sei dizer uma hortaliça que produza tão bem com tão poucos recursos. Isso sim faz dela uma planta miraculosa, equivalendo à moringa.

O sabor da chaya lembra o da couve, embora seja também chamada de espinafre de árvore. Diferentemente dessas verduras, não exige solo fértil, produz abundantemente o ano todo e praticamente não é atacada por insetos. Por isso, acredito que seja uma planta perfeita para quem quer folhas para acompanhar o almoço mas não tem disposição para cuidar de uma horta. E ela cresce muito rápido, virando um arbusto bonito e comestível.

a planta, em dezembro de 2015

em fevereiro de 2016

em maio de 2016

em fevereiro de 2017
Suas folhas são recortadas e com formato característico, sofrendo alterações quando a planta é nova ou mais velha. Há pelo menos 4 variedades comuns em cultivo. Para plantar, basta espetar uma estaca no chão, em um local que tenha pleno sol, e esperar pelas folhas. Claro que, caso receba irrigação periódica e um bom composto orgânico, vai se reproduzir mais rápido ainda e ter folhas maiores. Mas não é essencial.

de onde uma folha é retirada surge um novo caule

os rotos crescem à olhos vistos

as flores surgem ocasionalmente,
mas não frutificam.

Com quase 3 metros de altura, as borboletas aproveitam
as flores.
As folhas da chaya mentém a cor verde bonita e a textura quando cozidas, não ficando molengas demais - é difícil diferenciar da couve, na cor, textura e sabor. O preparo, contudo, é um pouco diferente - ela precisa ser fervida por alguns minutos antes de receber o tempero, e a água deve ser descartada. Também é bom que se evite panelas de alumínio, que liberam toxinas em contato com a chaya. As folhas são tão ricas em proteínas quanto o feijão-fradinho, contando com uma dose alta de cálcio, vitamina A, C e complexo B. 

Duas variedades em cultivo: mansa e estrella.
Essa planta alimentícia não convencional (é convencional no México, aqui não) é bem versátil na cozinha - além do uso refogada, é usada em pamonhas salgadas (tamales), panquecas, pães verdes, molhos, e todos os usos que se fazem com o espinafre. Já fiz pastel com queijo fresco, recheio de pizza, omelete e sopa, e todos ficaram sensacionais. Use as folhas menores e mais tenras, e remova o talo. Basta picar, fervê-las, escorrer a água e depois refogar. E que tenhamos mais chayas por aí!

3 comentários:

  1. Guilherme bom dia, tenho algo parecido no meu quintal, nasceu espontaneamente.... como posso confirmar que seja mesmo a Chaya?
    Obrigada

    ResponderExcluir
  2. Onde encontro galhos para fazer mudas? Vc tem?

    ResponderExcluir
  3. gostei muito, posso repostar no meu blog? abraços.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...