terça-feira, 2 de junho de 2015

PANC é PUNK: Evento de ecogastronomia. Convite!

Capeba, Urtigão, Taioba, Rizoma de Taioba,
Lírio do Brejo, Frutos do Gravatá.... Do mato pro prato.
Eu e os amigos Gabriel Zei, cozinheiro educador, e Lúcio Tamino, artista plástico de mão cheia e entusiasta das PANC, estamos planejando um evento bem legal para essa semana. Ele ocorrerá sábado, dia 06/06, na Serralheria, um espaço cultural diferentão que fica na Lapa, aqui em São Paulo.

Tudo começou com a inspiração dos trabalhos do Lúcio, que transformou cavaletes de políticos em obras de arte com fantásticas ilustrações botânicas feitas por técnicas mistas, todas manuais. O Major-Olímpio virou a Major-Gomes (Talinum paniculatum), e o partido politizou-se e virou PANC/PUNK. A partir desse conceito, o Tamino produziu uma série de lindos trabalhos que serão expostos no evento. Para mais informações e para consultar o cardápio, clique aqui. A partir de então, o conceito estava criado, e não podemos falar de comida sem uma boa cozinha!

Arte do Lúcio Tamino. 

O evento, aliás, terá bazar, música, exposição da arte do Lúcio e claro, um menu delicioso feito a muitas mãos. Toda a produção será PANC, orgânica, vegana e glutem-free, para qualquer que seja sua restrição ou direcionamento alimentar, você possa vir e se divertir conosco.

A abertura será as 16h e a entrada é franca até as 20h, depois disso passa a ser cobrado R$10,00. As comidas e bebidas são pagas a parte. Os quitutes serão servidos até acabarem nossos estoques, portanto, chegue cedo.

SERRALHERIA - RUA GUAICURUS, 857, LAPA. Sábado, 06/06.

O convite:





A cozinha Paulista é monótona, monocromática, colonizada.

PANC, Plantas Alimentícias Não Convencionais, são os alimentos esquecidos, espontâneos, que caíram em desuso, às vezes chamados de matos, outras vezes de ervas daninhas.

Negligenciamos o consumo destas plantas nativas, dando maior ênfase a produtos de fora do país. Contudo, muitos estudos comprovam sua qualidade nutricional e sua rusticidade, o que dispensa o uso de fertilizantes químicos e agrotóxicos na sua produção.

Elas representam a biodiversidade do meio ambiente, e na alimentação enriquecem nossos pratos e resgatam a cultura, valorizando a produção e o consumo local. Em época de crise hídrica, as PANC se sobressaem aos produtos agrícolas por serem mais adaptadas ao meio e consumirem poucos recursos.

Venha conhecer a contracultura da agronomia, a revolução verdejante que começa no prato. 

PANC também é PUNK!

-------------------

::PROGRAMAÇÃO - A ONDA FEST::

PANC é PUNK! Comida e Cultura
Pratos feitos com Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) e exposição de pinturas e estêncil inspirados nelas. A comida será vendida na cozinha no decorrer do evento.

Discotecagem Dada Radio
Amadeu Zoe 16-20h
Ricardo Pereira 20-01h

Shows
Dharma Samu 19h
Naaxtro 21h
Quarto Sensorial (RS) 23h

ABERTURA - 16H
ENTRADA FRANCA ATÉ AS 20H
APÓS 20H - R$10,00

SERRALHERIA - RUA GUAICURUS, 857, LAPA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...