Páginas

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Sorte na Horta: Trevos, Vários

(Texto atualizado em 01/09/2015)

Quantos tipos de trevo você conhece? O da sorte tem quatro folhas, o comum tem três, certo? Mas quantos tipos de trevos de três folhas existem?

Na horta aqui de casa, nunca tinha reparado nesses trevinhos. Como não dão muita flor, nem ytenho o hábito de comer, já ia arrancando. Nunca reparei nas suas sutilezas. As folhinhas triangulares de uns, arredondadas de outros. Uns com manchas brancas, outros verdes bem clarinhos. Alguns com flores amarelas pequenas, outros com flores rosas vistosas. Viu que lindo?

Confesso que sou péssimo para identificar trevos. Na minha ultima tentativa, praticamente desisti. Então conto desde já que não sei que espécies são essas.

Independente do nome, são trevos! Já parou pra pensar na diversidade de trevos que temos? De folhas lisas, peludas, verdes, roxas, três folhas, quatro folhas, rendondos, triangulares, touceiros, rasteiros.... E você aí achando que só existiam dois tipos de trevo: o de 3 e o de 4 folhas.

De comer, pode, desde que em pequena quantidade. Ricos em ácido oxálico, são tóxicos se consumidos em excesso. Aliás, é esse o ácido que dá o sabor azedo, e seu nome caipira: azedinha. As folhas podem ser usadas para geleia, processados em um suco, fervidos até reduzir e adicionado de açúcar.

Se for consumir, prefira em pequenas quantidades, na salada, e evite no suco verde, que requer grandes quantidades. Ele também tem propriedades anticoagulantes, então atenção redobrada. Assim como a carambola, deve ser consumido esporadicamente em porções pequenas por quem sofre problemas renais.

Vantagens de ter trevo na horta? Não sei. São bonitos, as folhas protegem o solo descoberto e o mantém mais fresco, no verão. Não posso dizer que são um indicativo de solo bom, porque nascem em qualquer lugar, bueiros, calhas, buracos na parede, trincas na calçada, desde que úmido e não muito quente. 

Outra vantagem é que eles inibem o crescimento de outras plantas. Você pode deixar eles longe das suas verduras, mas naquele canto desprotegido da horta, onde só nascem matinhos, ele exerce um controle populacional, como no caso da equinácea (texto clicando aqui).

De qualquer forma, as minhas oxalis ficam lá por mais um tempo. Veja só, quanta diversidade pra um simples trevo!




E você, que trevos nascem no seu jardim?

Até a próxima!

4 comentários:

  1. Os oxalis são comestíveis sim. Pra ser venenoso, tem que comer muita quantidade =)

    ResponderExcluir
  2. trevos são leguminosas, portanto repõem nitrogênio no solo ;)

    ResponderExcluir
  3. Oi Gabriel, esses trevos são do gênero Oxalis e não Trifolium, não são leguminosas não :)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...