Páginas

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Trevo Amarelo, Trevo Chifrudo

fruto da Oxalis corniculata
O trevo amarelo é aquele trevinho rasteiro, um dos mais comuns. Enquanto os outros tem as folhas grandes, esse possui folhas pequenas, muito pequenas, e alastra-se horizontalmente. O nome trevo amarelo é devido à cor de suas flores, amarelas, enquanto os outros mais comuns possuem as flores rosadas. Ah, sim, muita gente o conhece sob o nome de azedinha, especialmente as crianças.

Ele é uma planta infestante de locais com meia-sombra, e tolera ambientes mais secos do que os demais trevos. É uma planta extremamente resistente, de crescimento fácil, sendo considerada invasiva. Os frutos maduros são repletos de sementes escuras que sobrevivem muitos anos no solo, esperando para germinar.

As sementes do trevo.
Já falei dos trevos em postagem anterior, então porque repetir o assunto? Porque ainda não tinha falado do fruto. Todos esses trevos são comestíveis em pequenas quantidades, inclusive esse, de flores amarelas. Como tirei a foto no final do dia, as flores tá haviam se fechado.

O trevo-amarelo, de nome Oxalis corniculata, tem esse nome devido aos seus pequenos frutos e forma de "chifrinho" (com chifres, cornos = corniculata). Esses frutos pequenos são ácidos, crocantes e com sabor que lembra carambola verde, Aliás, a substância que dá o sabor acídulo de trevo e da carambola é ácido oxálico, que deve ser consumido com moderação.



Experimente os frutinhos do trevo na salada, ou ainda como petisco, do mato pro prato. Como é uma planta rasteira e prostrada, recomenda-se boa higienização antes do consumo. Não imagino que você vá comer uma pratada de frutos de trevo, o que não é recomendado, e muito menos prático. Mas um ou outro fruto faz graça na salada, e é ácido e refrescante, gostoso para ir comendo enquanto cuida do jardim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...