sábado, 3 de outubro de 2015

O sumiço

Tenho a impressão que as pessoas adiam todas as coisas para que aconteçam no segundo semestre, especialmente em setembro e outubro. Por alguma razão, está tudo acontecendo agora, e não estou dando conta de registrar tudo. E sim, eu sei, as postagens rarearam. Essa primavera tem sido intensa, muito trabalho e muita coisa pra fazer, mas logo voltamos à tona.

Estive em Belém do Pará para o Congresso Brasileiro de Agroecologia, e essa semana a correria continua. Por enquanto, algumas fotos das coisas que encontrei por lá:


a legendária ora-pro-nobis laranja

bertalha, lá chamada de "espinafre"


milhos coloridos

sementes crioulas

vetiver e priprioca, aromáticos

cará roxo

cariru, Talinum triangulare, parente do beldroegão

chicória do pará, perfumadíssima

vagem de metro

cará de espinho, gigante

murici, lá chamado muruci, ainda verde

Noni

Um comentário:

  1. Tudo lindo e exuberante, vontade de experimentar essa diversidade sensacional que só a Mãe Natureza oferece... E depois dizem que vegetariano não tem opções alimentares, come só alface! hahahahaha

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...